TCE não vê irregularidade em leilão realizado pela Prefeitura de Camalaú

0

O Tribunal de Contas do Estado reconheceu nesta quinta-feira, 22, a total regularidade do leilão No 01/2017 realizado pela prefeitura de Camalaú, com o objetivo de alienar máquinas e veículos irreversíveis que estavam em desuso e só geravam despesas na ocasião.

O leilão havia sido colocado sob suspeita e suspenso na época através de uma denúncia promovida pela vereadora Audenice (Nicinha), mas de acordo com a decisão judicial, a administração comandada pelo prefeito Sandro Môco consolida o devido respeito junto aos órgãos de controle e tem a regularidade de seus atos totalmente reconhecida.

Vale lembrar que o dinheiro arrecadado com o leilão, irá servir para renovar parte da frota para dar maior conforto e tranquilidade para pacientes que utilizem os veículos.

“Fica o alerta à oposição de que a irresponsabilidade de denúncias de má-fé somente prejudica o povo”, disse o prefeito Sandro em nota.

“São atos mesquinhos e egoístas como estes que levaram à rejeição do povo na última disputa eleitoral a esse grupo, e cabe o mínimo de bom senso e a tentativa de evoluir para pensar um pouco mais em prol do coletivo”, completou o prefeito.

“Continuaremos trabalhando para tentar atender cada vez melhor e mais a população de Camalaú”, finalizou o prefeito.

 

Deixe seu comentário