O número de mortos por conta das fortes chuvas e inundações que castigam, desde o dia 29 de maio, o estado de Kerala, na Índia, subiu para 370, dos quais 230 foram vítimas nos últimos 12 dias.
O porta-voz do Departamento de Informação do Governo de Kerala, Pratheesh Sr. Mony, confirmou o balanço de mortos e situou em 724.649 as pessoas que estão abrigadas nos 5.645 acampamentos de emergência montados na região.

“O foco deve estar agora na provisão de ajuda como comida, água e remédios, e na restauração de serviços essenciais como eletricidade, gasolina, telecomunicações e transporte, depois que a água das inundações baixaram”, disse ontem à noite – em comunicado – o Ministério de Interior indiano.

Milhares de soldados da Marinha, das Forças Aéreas, do Exército e da Força Nacional de Resposta a Desastres participam dos trabalhos de resgate e das operações para socorrer pessoas isoladas e levá-las para acampamentos.

Contam para isso com dezenas de helicópteros e aviões, além de centenas de lanchas. “As operações (de resgate e ajuda) continuarão até que a situação se normalize”, concluiu o departamento. O alerta vermelho na região foi cancelado.

Leia Também:

Polícia incinera quase 500 quilos de drogas apreendidas na Paraíba

Deixe seu comentário