Alimentar o bebê até os 6 meses exclusivamente com leite materno é fundamental para o desenvolvimento da criança e garante que seu sistema imunológico se desenvolva corretamente. Porém, na Semana Mundial do Aleitamento Materno, a Agência das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) chama atenção para outra prática importante para o desenvolvimento do bebê e sua saúde: aleitamento na primeira hora de vida.

Segundo um documento publicado pelo órgão, a amamentação no primeiro dia de vida da criança mostra que é possível evitar a mortalidade neonatal em 16%, mas quando o aleitamento acontece na primeira hora de vida esse número cresce para 22%. Porém, somente 3 em cada 5 crianças são amamentadas logo após o parto.

A amamentação traz diversos benefícios para os recém-nascidos e para as mamães, principalmente a primeira depois do nascimento da criança que, não é o leite de verdade e sim o colostro, extremamente rico em anticorpos e nutrientes e considerado a primeira vacina do bebê. Para as mães, diminuem os riscos de hemorragia, as contrações uterinas e reduz o risco de câncer de mama, ovário e endométrio.

Cuidados ao amamentar

Apesar dos pontos positivos, amamentar pode ser um período difícil para as mães de primeira viagem e se não forem bem orientadas podem acabar desistindo de todo o processo.  As dúvidas surgem desde a alimentação até a forma correta de amamentar. Segundo a obstetra do Hapvida, Mônica Thaysa, é fundamental a escolha de um lugar confortável para sentar, que tenha um bom apoio para as costas. “O uso de almofadas comuns ou de amamentação facilita na hora de levar o bebê ao peito, assim não sobrecarrega os braços. O posicionamento da boca do bebê é imprescindível para não machucar a mãe, sendo assim o bebê precisa abocanhar uma parte do seio e não apenas o bico”, explica.

Segundo a especialista, a amamentação, quando o bebê pega o peito da forma correta, não causa dor. “O bebê deve colocar quase a aréola inteira dentro da boca para mamar, quanto mais o bebê suga, mais a mama é estimulada a produzir leite. Além disso, é importante não acreditar em alguns mitos relacionados ao tamanho do peito para a produção de leite”, afirma Thaysa.

A alimentação balanceada, rica em vitaminas e proteínas é a melhor opção. Especialmente porque o período de amamentação também pede que as mães tenham cuidados com a ingestão de alguns alimentos, bebidas e medicações até para evitar as terríveis cólicas nos bebês. A especialista indica para as mães alguns desses cuidados:

  1. Evitar o consumo exagerado de alimento rico em açúcar, sal e gordura;
  2. Evitar o consumo de bebidas alcoólicas e cigarros;
  3. Evitar consumo de café, chocolate e estimulantes;
  4. E evitar frutas cítricas e alimentos apimentados.

O post Saiba a importância do aleitamento materno nas primeiras horas de vida apareceu primeiro em Portal Correio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.