Prefeitura de São João do Tigre consegue 50 casas populares através de parceria com o Deputado Federal Hugo Motta

A prefeitura de São João do Tigre conseguiu mais uma importante conquista através da parceria entre a gestão municipal e o deputado federal Hugo Motta. O secretario de desenvolvimento social...

por


A prefeitura de São João do Tigre conseguiu mais uma importante conquista através da parceria entre a gestão municipal e o deputado federal Hugo Motta.

O secretario de desenvolvimento social do município, Elissandro de Andrade confirmou na noite desta sexta-feira(02), a liberação de 50 (cinquenta) casas populares para a zona rural do município.

Cada unidade custará R$ 36.740,00 (trinta e seis mil setecentos e quarenta reais), totalizando um investimento em melhorias habitacionais na ordem de R$ 1.837.000,00 (um milhão oitocentos e trinta e sete mil reais).

“A portaria já encontra-se publicada pelo Ministério das Cidades e a Prefeitura de São João do Tigre e a Secretaria de Desenvolvimento Social a partir da próxima segunda feira iniciarão os trâmites para agilidade das futuras obras”, anunciou o secretário.

“Fazemos questão de agradecer ao empenho do nosso Prefeito Célio e da parceria exitosa firmada com o Deputado Hugo Motta, que não tem medido esforços em ser porta voz dos interesses de São João do Tigre em Brasília”, lembrou Elissandro.

Com Ascom

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Adicine um comentário

Escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

MAIS DO

Continue lendo Compartilhar no Whatsapp