O prefeito de Pedra Branca, no Vale do Piancó, Sertão da Paraíba, Antônio Gois (PR), renunciou ao cargo na amanhã desta quinta-feira (23). Ele encaminhou, inclusive, carta para a presidência da Câmara Municipal informando da decisão. Antônio elencou os benefícios que realizou pela prefeitura, agradeceu aos colaboradores e disse que está atendendo a um pedido dos filhos “com o coração apertado”.

Durante a gestão, Gois foi alvo de operações do Ministério Público da Paraíba (MPPB) e da Polícia Civil, sob acusação de fraude em licitações no município. Chegou a ser preso, juntamente com mais outros secretários e gestores. Ele diz que é inocente.

“Saio de consciência tranquila”, afirmou, adiantando ter sido vítima de perseguições dos opositores políticos. O vice-prefeito Gilberto Júnior assumirá a gestão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.