Foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (4) a operação “Res Publicae” em Afogados da Ingazeira, no Sertão de Pernambuco. A ação da Polícia Civil busca suspeitos de sonegação fiscal, lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva, peculato e organização criminosa.

Ainda segundo a polícia, a investigação começou em 2017 com o objetivo de desarticular uma organização criminosa. Devem ser cumpridos seis mandados de prisão e 10 de busca e apreensão expedidos pelo juiz da primeira Vara da Comarca de Sertânia.

Entre os presos estão um empresário, que também é agente penitenciário, dois contadores, um ex-secretário de obras, um ex-secretário de saúde e o ex-prefeito de Sertânia. O ex-gestor foi encontrado no estado de Alagoas.

Deixe seu comentário