Um novo processo de licitação será aberto para escolher a Organização Social que irá gerenciar alguns hospitais da Paraíba. A seleção pode vir a tirar a Cruz Vermelha do comando de unidades paraibanas. A OS está sendo investigada pelos Ministérios Públicos da Paraíba e do Rio de Janeiro por suposta organização criminosa que teria desviado recursos da saúde.

Leia também: Investigação não pode separar organização e Governo, diz promotor

De acordo com o governador João Azevêdo (PSB), o processo de chamamento será iniciado no dia 18 deste mês e garantiu que se o relatório apresentado pelos responsáveis pela seleção indicar que a Cruz Vermelha teve uma gestão ineficiente, a organização não mais poderá comandar hospitais na Paraíba.

“Primeiro é importante entender que o processo tem funcionado adequadamente. O que vamos fazer é reeditar o chamamento para que haja uma substituição natural do processo, considerando que alguns desses contratos se vencem agora em junho. É o caso da Cruz Vermelha. Vamos iniciar o novo processo de chamamento e se o relatório indicar que houve por parte da Cruz Vermelha uma gestão ineficiente, ela não poderá mais participar”, assegurou.

O post Nova licitação pode tirar Cruz Vermelha do comando de hospitais apareceu primeiro em Portal Correio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.