Um inquérito civil instaurado pelo Ministério Público Federal na Paraíba (MPF-PB) vai apurar a ocorrência de supostas irregularidades na concessão do programa Bolsa Família na cidade de Sapé, localizada a 42 quilômetros de João Pessoa. De acordo com a denúncia, o benefício era concedido a uma servidora municipal, que à época ocupou sucessivos cargos em comissão no município.

A medida foi publicada na página 8, da edição desta segunda-feira (27), do Diário do Ministério Público Federal Eletrônico (DMPF), disponibilizado neste fim de semana.

Segundo portaria assinada pelo procurador da República, Marcos Alexandre Queiroga, o inquérito terá o prazo de um ano para ser concluído.

O post MPF investiga se servidora municipal fraudou Bolsa Família na PB apareceu primeiro em Portal Correio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.