O Ministério Público da Paraíba está investigando a existência de pelo menos cinco servidores ‘fantasmas’ na prefeitura de Pedra Branca, Sertão paraibano. Um deles seria uma funcionária que ocupa o cargo de coveira e receberia sem trabalhar.

Além da coveira, o pai do atual prefeito da cidade, Allan Feliphe Bastos de Sousa, também é citado como possível ‘servidor fantasma’. O prefeito negou a existência dos servidores fantasmas e afirmou que setores da oposição teriam criado a denúncia para tentar atrapalhar a Administração Municipal.

Ele disse ainda que a coveira trabalha cuidando da papelada de certidões quando alguém morre na cidade. A investigação do Ministério Público continua em andamento.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here