Os medicamentos devem sofrer um reajuste de preços entre 2,09% e 2,84% a partir do dia 31 deste mês, segundo comunicou nesta quinta-feira (22) a Federação Brasileira das Redes Associativistas e Independentes de Farmácias (Febrafar).

Conforme a entidade, o aumento ocorrer para reposição da inflação de 2017, que ficou em 2,95%. A oficialização deste reajuste deve ser publicado nos próximos dias no Diário Oficial da União (DOU).

“É importante entender que o aumento não se dá por um índice fixo, mas variando por produto. Sendo que a taxa dos produtos com maior concorrência tem um índice menor de reajuste, e, para os mais inovadores o aumento é maior”, disse a Febrafar.

O post Medicamentos sofrerão reajuste de até 2,84% ainda este mês apareceu primeiro em Portal Correio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.