A edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (13) publicou lei, de autoria do deputado Raniery Paulino (MDB), que reconhece o São João da cidade de Santa Luzia, no Sertão paraibano, como patrimônio cultural imaterial da Paraíba. A publicação pode ser conferida na página 2, do DOE.

De acordo com o parlamentar, a iniciativa visa consolidar cada vez mais esse evento que já é tradicional no estado e representa a festa de maior expressão da cultural nordestina. “A nossa intenção é consolidar cada vez mais o São João como expressão regional, pois sem dúvidas é a festa de maior representatividade de nossa cultura”, destacou.

 

A lei sancionada pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) entrou em vigor com a publicação.

Em 2018, o evento, que é considerado um dos mais tradicionais do Estado, completou 76 anos de história.

O post Lei reconhece São João de Santa Luzia como patrimônio imaterial da PB apareceu primeiro em Portal Correio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.