Idosos e deficientes físicos já podem agendar por telefone consultas médicas nos postos de saúde de João Pessoa. A lei, de iniciativa do vereador Eduardo Carneiro (PRTB), foi sancionada pela mesa diretora da Câmara Municipal e está em vigor desde o final do ano passado.

Estão enquadrados na proposta, a unidade básica de saúde, centro de saúde e posto do Programa de Saúde da Família (PSF).

De acordo com a lei, o benefício está garantido para pessoas com idade igual ou superior a 60 anos, e para quem comprovar possuir deficiência física ou mental, na data da consulta.

Eduardo Carneiro disse que a lei busca dar mais comodidade à essa parcela importante da população, que precisa de um olhar diferenciado. Ele lembrou que, muitas vezes, idosos e deficientes encontram dificuldade para se deslocarem até um posto de saúde só para marcar uma consulta e acabam sem atendimento. “Essa lei vai sanar um problema constante para esse segmento da população que nós identificamos através das visitas que fizemos aos bairros e da ouvidoria popular, que é a demora no atendimento. As pessoas chegam muitas vezes, de cinco, seis horas da manhã, para serem atendidos de 10, 11 horas da manhã, então para o deficiente e para o idoso é um grande sacrifício ter que aguardar todo esse tempo. Agora, graças à nossa iniciativa a pessoa terá o seu horário pré-agendado e será atendido sem tanta demora”, destacou.

O vereador ressaltou, no entanto, que o número de consultas agendadas, será de no mínimo 20% das que forem marcadas no dia.

Também está previsto que seja afixado nas unidades de saúde material informativo sobre a lei.

 

O post Lei garante marcação de consultas por telefone para idosos e deficientes em JP apareceu primeiro em Portal Correio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.