Os garis da cidade de Monteiro podem parar atividades na próxima quinta-feira se a prefeita, Anna Lorena não pagar insalubridade da categoria.

Participando ativamente de reuniões na câmara de vereadores de Monteiro a categoria pressionou os parlamentares e cobrou o que é direito, receber 40% no salário minimo como adicional de insalubridade máxima.

“Ninguém bota papa na minha boca, vamos ver o que a prefeita vai dizer, se não resolver já estamos com as camisas e vamos colocar o bloco na rua” disse o representante dos funcionários municipais José Edilson Figueira Guedes.

Pressionada pelos vereadores e pela categoria a prefeita Anna Lorena pediu que fosse montada um comissão de no máximo 5 pessoas para que ela pudesse receber na próxima quarta-feira (25) em seu gabinete para discutir a situação enfrentada pelos Garis Municipais.

A comissão foi formada pelos seguintes servidores; Acidelson Alexandre da Silva, Márcio Alves de Carvalho, Gabriel da Silva Siqueira , José Ednaldo da Silva e José Edílson Figueira Guedes.

A Oposição

Na fala do vereador Lito de Dona Socorro ele disse: ” Vocês não se iludam, fiquem atentos, por que o tem muito ai é propaganda e gente muito esperta, gente de uma cabeça tranquila que vive todos os dias no ar-condicionado, pra tentar empurrar com a barriga esse pedido da insalubridade”.

O vereador ainda destacou que está ao lado da categoria e que ele estão sendo ouvidos porque se uniram e reivindicaram seus direitos. Ainda em seu discurso o vereador falou sobre os gastos com combustível praticados pela administração que ultrapassa a casa dos 1,17 milhão de reais enquanto Patos uma cidade 4 vezes maior que Monteiro gatou apenas 583 mil.

O Vereador Chuta disse: “Sabe por que ainda não foi resolvido? por que vocês são pequenos, se fosse grande já teriam resolvido”.

A situação

Durante a reunião desta quinta-feira (19) os vereadores que compõe a base aliada da prefeita Anna Lorena foram responsáveis por colocar os panos quentes sobre a categoria chamando para o “diálogo” na próxima quarta(25), com discursos “pautados” todos elogiaram as ações que estão sendo executadas pelo governo do estado.

O vereador Bião, líder do governo na câmara municipal confirmou na sessão desta quinta feira, que a prefeita Anna Lorena vai receber uma comissão que formada por funcionários públicos e vereadores de situação para discutir a possibilidade da implantação da insalubridade.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here