Em 2015, uma equipe internacional de astrônomos observou que uma estrela anã branca devorava os planetas de seu próprio sistema. Agora, o estudo foi aceito para revisão e inicia um novo campo de pesquisa: a necroplanetologia.

Segundo os cientistas, estrelas de uma determinada massa se transformam em anãs brancas no fim de seu ciclo de vida. Para isso, elas expelem grande parte de seus materiais e deixam para trás uma nebulosa.

Após as observações, a equipe concluiu que os restos dos planetas rochosos devem ter sido acumulados recentemente pela força gravitacional da anã branca. Em outras palavras, a estrela consome os planetas que a orbitam. Se este é um comportamento raro ou parte do ciclo de vida da estrela, apenas o tempo e novos estudos poderão dizer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.