Concursos PRF e PF 2021 vão abrir 3 mil vagas com salários de até R$ 22 mil

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Federal (PF) vão divulgar os seus editais históricos de concursos públicos ainda em janeiro, conforme anúncio das gestões de ambas as corporações. Os...

por


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Federal (PF) vão divulgar os seus editais históricos de concursos públicos ainda em janeiro, conforme anúncio das gestões de ambas as corporações. Os concursos, juntos, vão oferecer 3 mil vagas para preenchimento imediato. Além disso, já está definido que serão chamados mais 1.000 excedentes, sendo 500 para cada corporação.

Veja os detalhes dos concursos logo abaixo:

Concurso PRF 2021

O edital de concurso da Polícia Rodoviária Federal (Concurso PRF 2021) será divulgado no dia 19 de janeiro de 2021. A confirmação foi dada por meio de coletiva de imprensa na última quarta-feira, 06 de janeiro. As provas estão confirmadas para o dia 28 de março de 2021.

No último dia, 08 de janeiro, a PRF publicou no Diário Oficial da União o documento que dispõe da portaria normativa 9 de 2021, do diretor geral da corporação, Eduardo Aggio, que institui o regulamento do concurso PRF 2021. O texto traz confirmações sobre requisitos do cargo de Policial Rodoviário Federal, etapas, provas, exames, entre outras informações.

Dessa forma, no próximo dia 19, com a liberação do edital oficial, deverá ser confirmado o cronograma e taxas, bem como procedimentos das inscrições, que serão iniciadas em 25 de janeiro. As provas estão previstas para serem aplicadas no dia 28 de março de 2021.

A nomeação e posse dos servidores está prevista para ocorrer em dezembro de 2021, confirme informou a PRF em coletiva de imprensa realizada na última quarta-feira, 06 de janeiro. Segundo informações da corporação, o resultado da primeira fase será divulgado no dia 2 de agosto, com convocação para início do curso de formação nos dias 3 e 4 de agosto.

Sobre a prova objetiva:

BLOCO I: 55 itens

Língua Portuguesa
Raciocínio Lógico-Matemático
Informática
Física
Ética e Cidadania
Geopolítica
Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol)

Bloco II: 30 itens

Legislação de Trânsito

Bloco III: 35 questões

Direito Administrativo
Direito Constitucional
Direito Penal
Direito Processual Penal
Legislação Especial
Direitos Humanos

Os salários oferecidos pela PRF chegam a R$10.357,88 para nível superior e R$4.022,77 para nível médio.

Para ingresso na carreira de Policial Rodoviário Federal, é necessário nível superior (em qualquer área) e carteira nacional de habilitação (CNH) na categoria ”B”. Os candidatos devem ser avaliados por prova objetiva de conhecimentos específicos, prova discursiva, exame de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica, investigação social, avaliação de títulos e curso de formação profissional.

As tarefas do Policial Rodoviário Federal dependerão da classe, sendo dividas em quatro: Classe Especial; Primeira Classe; Segunda Classe; e Terceira Classe. O salário inicial da carreira de policial rodoviário federal é de R$10.357,88 em 2019. Os valores já incluem o auxílio alimentação, que atualmente está fixado em R$458.

O Policial de terceira classe tem a missão  realizar atividades de natureza policial envolvendo a fiscalização, patrulhamento e policiamento ostensivo, atendimento e socorro às vítimas de acidentes rodoviários e demais atribuições relacionadas com a área operacional do Departamento de Polícia Rodoviária Federal, enquanto o de segunda classe terá que efetuar atividades de natureza policial envolvendo a execução e controle administrativo e operacional das atividades inerentes ao cargo, além das atribuições da Terceira Classe.

O último concurso público da PRF foi divulgado em novembro de 2018. Na ocasião, o Cebraspe (antigo Cespe/UnB) organizou o certame. A oferta foi de 500 vagas imediatas, todas para Policial Rodoviário Federal.

O certame contou, ao todo, com mais de 129 mil inscritos. A maior procura foi o Pará, com 12.700 inscritos para 81 vagas, seguido por Goiás com 12.605 inscritos e Rio Grande do Sul, 11.559.

Concurso Polícia Federal 2021

A expectativa de abertura do edital de concurso público da Polícia Federal (Concurso PF 2021) só aumenta. Acontece que a corporação confirmou que o documento de abertura do certame será divulgado na segunda quinzena de janeiro. A situação é semelhante com o edital da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que confirmou o concurso dentro do mesmo prazo estipulado pela PF.

Lembrando que o concurso da PF já está em fase bastante avançada, uma vez que o contrato com a banca organizadora, o Cebraspe, já foi assinado. Isso viabilizaria, inclusive, a PF divulgar o seu edital antes mesmo do prazo previsto. Por meio de redes sociais, a corporação reforça a ideia de aplicar as provas em março. As inscrições, assim, devem ser recebidas em fevereiro.

A Polícia Federal finaliza, no momento, os preparativos de abertura do seu novo edital de concurso público (Concurso PF 2021). Foi divulgado no Diário Oficial da União, edição do dia 31 de dezembro, a informação de contratação do Cebraspe para organizadora.

Agora, com a assinatura de contrato entre as partes, o edital do concurso já pode sair. A vigência da contratação com a banca será até dezembro de 2022, período em que o concurso deverá ser homologado e todas as turmas já estarão em formação.

O cronograma oficial do concurso da PF ainda não foi definido. No entanto, a expectativa é que as provas sejam aplicadas em março.

A primeira etapa do concurso público destina-se à admissão à matrícula no Curso de Formação Profissional e abrange as seguintes fases:

a) prova(s) objetiva(s), para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade do Cebraspe;

b) prova discursiva, para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade do Cebraspe;

c) exame de aptidão física, para todos os cargos, de caráter eliminatório, de responsabilidade do Cebraspe;

d) prova oral, somente para o cargo de Delegado de Polícia Federal, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade do Cebraspe;

e) prova prática de digitação, somente para o cargo de Escrivão de Polícia Federal, de caráter eliminatório, de responsabilidade do Cebraspe;

f) avaliação médica, para todos os cargos, de caráter eliminatório, de responsabilidade do Cebraspe;

g) avaliação psicológica, para todos os cargos, de caráter eliminatório, de responsabilidade do Cebraspe;

h) avaliação de títulos, somente para os cargos de Delegado de Polícia Federal e de Perito Criminal Federal, de caráter classificatório, de responsabilidade do Cebraspe.

A segunda etapa do concurso público consiste de Curso de Formação Profissional, de caráter eliminatório, de responsabilidade da Academia Nacional de Polícia, a ser realizado no Distrito Federal, podendo ser desenvolvidas atividades, a critério da Administração, em qualquer unidade da Federação.

Em 2018, a Polícia Federal abriu edital para preenchimento de 500 vagas. As oportunidades do concurso da Polícia Federal foram destinadas aos cargos de Agente Policial (180 vagas), Delegado de Polícia (150 vagas), Papiloscopista (30 vagas), Perito Criminal (60 vagas) e Escrivão (80 vagas). O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe Cespe/UnB) teve a responsabilidade do certame.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Adicine um comentário

Escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.