‘Cinema negro’ é tema de debate no ‘Encontros com o Cinema Paraibano’

O projeto ‘Encontros com o Cinema Paraibano’ recebe, neste sábado (13), às 15h30, no Hotel Globo, os realizadores Sérgio Ferro e Carine Fiúza, e terá como temática o ‘Cinema negro’,...


O projeto ‘Encontros com o Cinema Paraibano’ recebe, neste sábado (13), às 15h30, no Hotel Globo, os realizadores Sérgio Ferro e Carine Fiúza, e terá como temática o ‘Cinema negro’, em debate que será mediado por Norma Góes. O projeto é realizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) por meio de sua Fundação Cultural (Funjope).

O projeto ‘Encontros com o Cinema Paraibano’ reúne os realizadores selecionados na última edição do Edital Walfredo Rodriguez de fomento ao audiovisual pessoense para falar sobre a produção cinematográfica, seus projetos e processos criativos, abrindo espaço para o diálogo entre os realizadores do município de João Pessoa com a sua população e acontece sempre nas tardes de sábados no Hotel Globo.

Um dos projetos que serão debatidos será o documentário ‘Lebara’, de Sérgio Ferro, que registra depoimentos de várias pessoas, no centro da Capital, a partir da pergunta ‘o que é pombagira?’. O projeto é um dos selecionados pelo Edital Walfredo Rodriguez de Produção Audiovisual na categoria diretor estreante.

O outro será a ficção ‘Tila’, de Carine Fiúza, que conta a história de uma mulher que se depara com uma criança que sonha em conhecer o mar. Tal encontro é permeado por tensões que revelam as contradições e angustias de Tila. Nesse percurso, somente a inocência de Amina e a força Tila podem dar início a um processo de cura que extravasa o continente.

Convidados

Sérgio Ferro é realizador audiovisual, garçom, advogado, pesquisador, cantor, movido pela estética da existência e meios de ganhar a vida. No cinema, tem descoberto o que é o Brasil.

Carine Fiúza é diretora de cinema, fotografa e performer, estudou comunicação social – Rádio e TV – na Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Realizou ‘Ando feito nuvem tempestiva’ (Exp, 2018), “Odò Pupa” (Doc, 2018, Canal Futura) e ‘Lá em frente a seu Francisco’ (Exp, 2016).

Norma Goes é atriz, trançadeira, professora e cantante, atuou em grupos de canto e no teatro. No cinema está há oito anos como atriz, tendo atuado em filmes paraibanos premiados nacional e internacionalmente, tais como “Crua”, de Diego Lima, “O Pato”, de Antônio Filho Galdino.

Projeto

O AnimaCentro tem como objetivo ocupar os espaços históricos revitalizados pela atual gestão com uma programação cultural diversificada no Parque da Lagoa, Praça da Independência, Hotel Globo, Praça Rio Branco, Pavilhão do Chá, Centro Cultural Casa da Pólvora, Villa Sanhauá, Galeria Casarão 34 e Praça Antenor Navarro.

O post ‘Cinema negro’ é tema de debate no ‘Encontros com o Cinema Paraibano’ apareceu primeiro em Portal Correio.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Adicine um comentário

Escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Maior Rede de comunicação do Cariri Paraibano, Envie sua sugestão para nosso WhatsApp (83) 9.9855-1048 / portaltvcariri@gmail.com

MAIS DO

Continue lendo Compartilhar no Whatsapp