O deputado federal, Efraim Filho (DEM-PB), disse, nesta sexta-feira (16), que a saída do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, do PSD, mostrou um afastamento do gestor do campo da oposição ao governador Ricardo Coutinho (PSB) e certa desconfiança à condução que vinha sendo feita por lideranças partidárias desse agrupamento político no estado.

Leia também:

De acordo com Efraim Filho, com a entrada de Cartaxo no Partido Verde (PV), o diálogo com os socialistas está aberto e possibilita, no mínimo, uma autonomia para que o prefeito possa escolher o seu destino, caso a opção do seu ex-partido fosse diferente da que ele desejava. “O PV é bem-vindo, na política você tem que fazer composições, agregando, inclusive os diferentes e é por isso que o diálogo está aberto, pois aquilo que for melhor para a Paraíba deve ser levado em consideração”, comentou.

Efraim disse ainda que o Democratas tem potencial para figurar na chapa majoritária e vai trabalhar para ocupar os espaços, pois segundo ele, foi o primeiro partido a apoiar o então prefeito Ricardo Coutinho, desde 2008.

O post ‘Cartaxo não confiava na oposição’, diz Efraim apareceu primeiro em Portal Correio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.