Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os servidores conheceram a realidade das famílias durante uma visita das equipes da FPI ao lixão. Do total de moradores, 30 eram crianças.

Uma campanha para ajudar 50 pessoas que moravam em um lixão no município de Floresta, no Sertão de Pernambuco, foi realizada por órgãos que participam da segunda edição da Fiscalização Preventiva Integrada (FPI). O objetivo da ação foi oferecer para as crianças, adolescentes e adultos moradias dignas, além de adquirir doações e dar início a uma cooperativa de catadores no município.

Foi realizada uma grande mobilização envolvendo todos os integrantes da FPI, e através de uma campanha desenvolvida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nas redes sociais, como forma de celebrar o Dia do PRF e os 91 anos do órgão, foram arrecadadas doações de todo o Brasil que permitiram adquirir cestas básicas, fogões, geladeiras, colchões , ventiladores, guarda-roupas, mesas, cadeiras, lençóis, mantas, toalhas e kits de higiene.

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) emitiu um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) junto à prefeitura do município para realocar as famílias em residências e as equipes da FPI conseguiram a inscrição delas no programa de Aluguel Social. Além disso, será adquirida uma prensa com os recursos da campanha, que dará início à montagem da “Cooperativa Mudança de Vida”, nome escolhido pelos próprios catadores.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here