Um adolescente foi apreendido suspeito de estuprar a prima dele, uma criança de 6 anos, no município de Aroeiras, no Agreste da Paraíba, de acordo com a Polícia Civil. A ação policial, que ocorreu nesta terça-feira (1º), cumpriu um mandado de busca e apreensão expedido pela Comarca de Aroeiras.

O delegado titular de Aroeiras, Everaldo Miranda, explicou que o caso aconteceu quando dois rapazes foram à casa de uma vizinha, buscar um bolo, à pedido da mãe do adolescente.

Como a vizinha não estava em casa, os primos decidiram esperá-la no local, por trás de uma pedra, onde, conforme o delegado, o estupro ocorreu. Quando parentes da vítima perceberam que ela estava machucada, a levaram para um hospital. Everaldo Miranda informou que a criança passou quatro dias internada.

O delegado afirmou ainda que o caso foi denunciado pela mãe da criança e exames foram feitos pelo Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol). O mandado foi solicitado pela Polícia Civil, após a conclusão do inquérito. O adolescente, que conforme o delegado não tem passagem pela polícia, foi encaminhado para o Lar do Garoto.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here